Últimos itens adicionados do Acervo: Universidade Federal do Pará

Universidade Federal do Pará (UFPA) é uma universidade pública mantida pelo governo federal do Brasil. É considerada a maior, melhor e mais conceituada instituição federal da Região Norte do Brasil.

Página 12 dos resultados de 4789 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

‣ Comportamento higrosc?pico do res?duo seco de camar?o-rosa

ASSUN??O, Alan Barros; PENA, Rosinelson da Silva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Estudou-se o comportamento higrosc?pico do res?duo seco de camar?o-rosa (Peneaus subtilis), o qual foi caracterizado como sendo rico em prote?nas totais (42,59%) e res?duo mineral fixo (22,01%). Foram constru?das isotermas de adsor??o e dessor??o de umidade a 10, 25, e 40 ?C. Determinou-se o valor da monocamada e o calor de dessor??o, e testou-se a aplicabilidade de treze modelos matem?ticos na predi??o dos dados de sor??o. O produto apresentou isotermas do Tipo II. Os dados de adsor??o mostraram que para que o produto apresente estabilidade microbiol?gica (aw < 0,6), o res?duo seco necessitar? estar com umidade inferior a 13,0 g H2O.100 g?1b.s. na adsor??o e 14,0 g H2O.100 g?1 b.s. na dessor??o. Os valores da monocamada, para a dessor??o, indicam que o res?duo n?o deve ser seco a n?veis de umidade inferiores a 7,29 g H2O.100 g ?1 b.s., para evitar gasto desnecess?rio de energia. Os calores de dessor??o evidenciaram a n?o necessidade de grandes quantidades de energia para secar o res?duo at? n?veis de umidade que o tornem microbiologicamente est?vel (aw< 0,6). De acordo com os ajustes os modelos de Oswin e Halsey (bi-param?tricos) e GAB, BET modificada...

‣ Caracteriza??o e processamento de leite bubalino em p? em secador por nebuliza??o

GUERRA, Roberta Batista; NEVES, Elisa Cristina Andrade; PENA, Rosinelson da Silva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Avaliou-se o processo de secagem por nebuliza??o em "spray dryer" para a obten??o de leite bubalino em p?. Foram realizadas an?lises f?sico-qu?micas no leite in natura e no leite desidratado, para averiguar perdas de macronutrientes ocorridas durante a secagem; an?lises microbiol?gicas para assegurar a qualidade higi?nico-sanit?ria do processo e produto e an?lises sensoriais para estabelecer a aceitabilidade do produto. Foram obtidas isotermas de adsor??o e dessor??o de umidade a 25?C, para o produto em p?, visando observar o seu comportamento higrosc?pico. O leite bubalino em p? obtido apresentou como caracter?sticas f?sicoqu?micas: 3,4% de umidade, 23,2% de prote?nas, 46,1% de gordura, 4,2% de cinzas, 0,5% de lecitina de soja e 22,6% de carboidratos totais. De acordo com os exames microbiol?gicos est? apto para o consumo humano. O produto foi caracterizado como integral por n?o ter sofrido qualquer padroniza??o. As perdas ocorridas para a maioria dos macronutrientes durante o processamento, foram inferiores a 5% e apenas o teor de prote?nas apresentou varia??o superior a 15%, devido ? desnatura??o da case?na em temperatura superior a 80?C. O produto apresentou isotermas de adsor??o do tipo III, mesmo comportamento apresentado pelo leite bovino. Atrav?s da isoterma de dessor??o determinou-se o valor de umidade equivalente ? monocamada...

‣ Compreendendo a imigra??o espanhola no Par? (1896-1899): um estudo a partir das passagens gr?tis como fontes de informa??o

FERREIRA, Rubens da Silva; COSTA, ?rica Elaine
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Aborda as passagens gr?tis que subsidiaram a imigra??o espanhola para o estado do Par? (1896-1899) como fonte de informa??o. Utiliza a pesquisa documental de abordagem quantitativa para compreender os fatores que motivaram o fluxo migrat?rio no sentido Vigo-Espanha/Bel?m-Brasil, bem como para construir o perfil desses espanh?is. Baseado em amostragem documental dos arquivos da imigra??o espanhola custodiados pelo Arquivo P?blico do Estado do Par?, a pesquisa re?ne informa??es sobre 792 espanh?is que obtiveram passagens gr?tis. As informa??es registradas nessas passagens indicam origem, vapor de embarque, sexo, idade, estado civil e profiss?o dos sujeitos em foco. A vinda de espanh?is est? associada ?s mudan?as na economia espanhola, ? pol?tica de branqueamento da popula??o brasileira e ? necessidade de povoamento da Amaz?nia brasileira. Os imigrantes s?o majoritariamente do sexo masculino, em idade ativa e lavradores. Diante das poucas fontes de informa??o existentes sobre a presen?a espanhola no Par?, h? que se preservar e difundir esse patrim?nio documental. Nesta dire??o, a busca de coopera??o t?cnica nacional e internacional surge como estrat?gia necess?ria ?s institui??es arquiv?sticas que custodiam documentos da imigra??o espanhola no Brasil.; ABSTRACT: It discusses the free tickets granted to Spanish immigrants to settle in Par? State (1896-1899)...

‣ A informa??o social no corpo travesti (Bel?m, Par?): uma an?lise sob a perspectiva de Erving Goffman

FERREIRA, Rubens da Silva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Inspiradas em um ideal de mulher, as travestis investem em uma morfologia h?brida, combinando signos de masculinidade e feminilidade, que acabam por desqualific?-las para a sociedade maior. Partindo da no??o de informa??o social de Goffman, este trabalho tem por objetivo fazer uma leitura dos corpos dos sujeitos em quest?o, o que se d? sob uma perspectiva relacional. O corpus submetido ? an?lise constitui-se do material obtido de pesquisa etnogr?fica realizada em 2002 e 2003 entre as travestis que se prostituem em Bel?m, Par?. De modo geral, os corpos das travestis comunicam uma diversidade de informa??es, as quais falam sobre estigma, desvio, viol?ncia e desejo na capital paraense.; ABSTRACT: Having in mind a woman ideal, the travesties make use of a hybrid morphology, matching signs of masculinity and femininity, but the result is that they disqualified for a major society. This way, based on the notion of Goffman's social information, the objective of this paper is to analyze the bodies of the referred individuals, what is carried out according to a relational perspective. The corpus under analysis is the material obtained from an ethnographic research carried out in 2002 and 2003 among travesties, prostituted in Bel?m, Par? State. In general...

‣ Henry Walter Bates: um viajante naturalista na Amaz?nia e o processo de transfer?ncia da informa??o

FERREIRA, Rubens da Silva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
A partir do s?culo XVII iniciou-se na Amaz?nia toda uma movimenta??o de viajantes/naturalistas atra?dos pela biossociodiversidade dessa regi?o dominada por uma floresta tropical. Henry Bates (1825-1892), estudioso de hist?ria natural, foi um deles, tendo, por?m, se deslocado para o Norte do Brasil entre os anos de 1848 e 1859. Nesse contexto, o presente paper tem como objetivo analisar o processo de transfer?ncia das informa??es produzidas por esse viajante naturalista ap?s 11 anos de trabalho de campo. A partir do material bibliogr?fico reunido para esse fim, verificou-se que tal processo foi bem-sucedido, como evidencia a ampla circula??o das obras publicadas por Bates. Transcorridos 156 anos dessa expedi??o, a produ??o cient?fica de Bates continua a participar do circuito acad?mico de produ??o de conhecimento sobre a Amaz?nia na contemporaneidade, qual seja no campo da biologia, da zoologia, da sociologia, da hist?ria ou da antropologia.; ABSTRACT: From the XVII century on, in the Amazon it began a moving of traveler naturalists as they were attracted by the biosociodiversity of the region, which was dominated by a forest of a tropical type. Henry Bates (1825-1892), a Natural History's scholar, was one of them, though he dislocated to the North of Brazil later on...

‣ Infec??es pelos v?rus das hepatites B e C e o carcinoma hepatocelular na Amaz?nia oriental

MIRANDA, Esther Castello Branco Mello; M?IA, Lizomar de Jesus Mau?s Pereira; AMARAL, Ivanete do Socorro Abra?ado; BARBOSA, Maria Silvia de Brito; CONDE, Simone Regina Souza da Silva; ARA?JO, Marialva Tereza Ferreira de; CRUZ, Ermelinda do Ros?rio Moutinho
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Com o objetivo de contribuir para um melhor conhecimento do envolvimento das infec??es pelos v?rus das hepatites B e C, na etioepidemiologia do CHC na Amaz?nia Oriental, estudou-se 36 pacientes em Bel?m-PA. Foram avaliados marcadores sorol?gicos e a pesquisa do HBV-DNA e HCV-RNA pela rea??o em cadeia da polimerase. Observou-se etilismo em 33,3% e cirrose em 83,3%. Marcadores sorol?gicos das infec??es pelo HBV e HCV foram encontrados respectivamente em 88,9% e 8,3%. O HBsAg foi encontrado em 58,3%; anti-HBc em 86%; anti-HBe em 85,7; HBeAg em 9,5%; anti-HBc IgM em 57,1%. O HBV-DNA foi detectado em 37,7% e em 65% dos HBsAg positivos; o HCV-RNA em 8,5% e em 100% dos anti-HCV positivos. AFP esteve alterada em 88,9% e acima de 400ng/ml em 75% dos casos. Conclui-se que a infec??o pelo HBV parece ter import?ncia na etiologia do CHC e ressalta-se a import?ncia de implementar programas de vacina??o e detec??o precoce do tumor.; ABSTRACT: In order to contribute to a better understanding of the possible role of hepatits B and C in the etiopathogenis of HCC in the East Amazon, there were studied 36 patients in Bel?m/PA. Serological hepatitis markers were evaluated and polymerase chain reaction assays were used to detect HBV-DNA and HCV-RNA. Alcohol abuse was observed in 33.3% and cirrhosis in 83.3%. In 88.9% of the sample...

‣ Trabalhadores nos canteiros de obras da UHE Belo Monte-Altamira: condi??es de sa?de e pol?ticas p?blicas

CONCEI??O, T?nia Sena
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
A constru??o da Usina Hidroel?trica (UHE) de Belo Monte no rio Xingu na regi?o de Altamira no Estado do Par?, na Amaz?nia, tem sido alvo de grandes pol?micas e debates em diversos espa?os sociais, institucionais e na m?dia, devido ? complexidade dos impactos que a obra traz ? sociedade, ao ambiente, aos povos ind?genas, pescadores e ribeirinhos, resultando em diversas a??es judiciais, mas tamb?m em greves e reivindica??o dos trabalhadores por melhorias salariais, condi??es de trabalho e sa?de. O estudo busca, por meio de uma abordagem qualitativa e descritiva, primeiro, analisar o quadro de adoecimento entre os oper?rios contratados e, segundo, caracterizar as formas de atendimento ? sa?de na cidade de Altamira, exame que est? enquadrado na incapacidade das pol?ticas p?blicas de responder ?s demandas e produzir a adequa??o m?nima ao aumento do fluxo migrat?rio provocado pelo megaempreendimento. Durante o trabalho de campo, no per?odo de 09 a 24 de julho de 2013, foram entrevistados 25 trabalhadores dos canteiros de obras da UHE, utilizando formul?rio com perguntas abertas e fechadas. O levantamento de fontes privilegiou pesquisa nos jornais e Institui??es p?blicas e privadas acerca da problem?tica relacionada ?s condi??es de trabalho e sa?de dos trabalhadores dos canteiros de obras da UHE Belo Monte...

‣ A din?mica dos recursos comuns em Unidades de Conserva??o e Assentamentos Rurais no Amazonas: uma abordagem fuzzy set

COSTA, Francimara Souza da
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
Português
A teoria de Garret Hardin intitulada ?A trag?dia dos comuns? apresenta a privatiza??o e o controle governamental como sa?da para evitar o esgotamento dos recursos naturais. Entretanto, outros autores demonstraram que os usu?rios dos recursos podem apresentar eficientes formas de manejo, aliando o uso pelo homem ? conserva??o da natureza. Esta tese analisa o uso de recursos comuns em Unidades de Conserva??o e Assentamentos Rurais de Uso Sustent?vel, localizadas no interfl?vio Purus-Madeira, regi?o Sul do Estado do Amazonas. A pergunta que norteou a hip?tese da pesquisa foi: Diante das especificidades amaz?nicas e das regras impostas pelas pol?ticas ambientais e agr?rias na regi?o, quais condi??es apresentam-se como necess?rias e suficientes ao bom desempenho no uso de recursos comuns? A an?lise foi realizada por meio da combina??o de tr?s m?todos: o m?todo comparativo Qualitative Comparative Analysis (QCA), o m?todo de an?lise institucional Institutional Analysis and Development (IAD) Framework e a l?gica fuzzy. Operacionalmente, foram consideradas como vari?veis independentes (X) os aspectos socioecon?micos, produtivos, ambientais e institucionais, partindo-se do pressuposto de que os programas governamentais destinados ?s Unidades devem apresentar melhorias nestes indicadores...

‣ An?lise de desenvolvimento do tambaqui, Colossoma macropomum (Cuvier, 1818) (Pisces, Serrasalmidae), utilizando a massa de mandioca branca, Manihot esculenta (Crantz) como complemento alimentar em viveiros de piscicultura em ?rea de v?rzea

SOUZA, Alex da Silva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
O Estado possui condi??es favor?veis para o desenvolvimento da piscicultura, que se constituir? numa alternativa para a produ??o de prote?nas de origem animal, capaz de auxiliar na redu??o dos acentuados d?ficits encontrados na dieta alimentar da popula??o paraense de baixa renda, assim como, minimizar os problemas pontuais causados pela sobrepesca e polui??o qu?mica. E as v?rzeas da Amaz?nia brasileira, constituem-se ent?o, num grande potencial para o desenvolvimento da piscicultura racional, mantendo a sustentabilidade do ecossistema atrav?s de tecnologias de manejo, em substitui??o aos m?todos extrativistas tradicionais e predat?rios. Um dos principais entraves da piscicultura ? o elevado custo a ra??o que chega a compor at? 80% do custo total da atividade, visto que n?o existe uma dieta com produtos regionais que baixasse esse custo, O custo das ra??es extrusadas ofertadas na regi?o extrapola o limite da economia, devido principalmente ? agrega??o do frete, vista a escassez das ind?strias locais, assim como os altos pre?os dos principais insumos, notadamente em se tratando da fra??o prot?ica que ? mais onerosa da dieta. Com base nessa realidade, a regi?o Amaz?nica lan?a m?o de subprodutos da agroind?stria de f?cil aquisi??o e baixo custo...

‣ Avalia??o nutricional da torta de dend? para suplementa??o de ruminantes na Amaz?nia Oriental

COSTA, Dayana Alves da
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
O trabalho foi realizado na Embrapa Amaz?nia Oriental, em Bel?m, Par?, (1?28? S 48?27? W de Greenwich), com o objetivo de avaliar a influ?ncia da adi??o da torta de dend? (Elaeis guineensis) como alternativa para suplementa??o alimentar de ruminantes, em per?odos cr?ticos de produ??o de forragem na Amaz?nia Oriental. Foram determinadas as caracter?sticas nutricionais da torta de dend?, durante um per?odo de 21 dias, com 16 ovinos, em gaiolas metab?licas individuais, distribu?das em delineamento inteiramente casualizado, em quatro tratamentos e quatro repeti??es, onde os tratamentos (T1, T2, T3 e T4) continham quicuio-da-amaz?nia (Brachiaria humidicola) e n?veis crescentes de 10%, 20%, 30% e 40% de inclus?o de torta de dend?. Os consumos de mat?ria seca, em g/dia e % do peso vivo, foram de 666,6 e 2,5; 686.9 e 2,4; 649,4 e 2,4; e 540,9 e 2,0, de mat?ria org?nica 706,5; 710,8; 708,1 e 632,3 g/dia, e de prote?na bruta 37,3; 42,9; 58,7 e 56,4 g/dia. O consumo de FDN, em g/dia, foi de 584,7; 583,5; 565,2; 527,0. Os coeficientes de digestibilidade da mat?ria seca foram de 50,3; 47,8; 52,2; e 55,2%, da mat?ria org?nica de 50,8; 49,6; 53,5; e 56,3% e de prote?na bruta de 48,0; 38,7; 66,8; 69,4%, em T1, T2, T3 e T4, respectivamente. A torta de dend? possui potencial produtivo...

‣ M?todos utilizados na avalia??o psicof?sica da vis?o de cores humana

LIMA, Monica Gomes; GOMES, Bruno Duarte; VENTURA, Dora Selma Fix; SILVEIRA, Luiz Carlos de Lima
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
A cor ? um atributo perceptual que nos permite identificar e localizar padr?es ambientais de mesmo brilho e constitui uma dimens?o adicional na identifica??o de objetos, al?m da detec??o de in?meros outros atributos dos objetos em sua rela??o com a cena visual, como lumin?ncia, contraste, forma, movimento, textura, profundidade. Decorre da? a sua import?ncia fundamental nas atividades desempenhadas pelos animais e pelos seres humanos em sua intera??o com o ambiente. A psicof?sica visual preocupa-se com o estudo quantitativo da rela??o entre eventos f?sicos de estimula??o sensorial e a resposta comportamental resultante desta estimula??o, fornecendo dessa maneira meios de avaliar aspectos da vis?o humana, como a vis?o de cores. Este artigo tem o objetivo de mostrar diversas t?cnicas eficientes na avalia??o da vis?o crom?tica humana atrav?s de m?todos psicof?sicos adaptativos.; ABSTRACT: Color is a perceptual attribute that allows organisms to identify and to locate environmental patterns of equal brightnesses and constitutes an additional dimension in object identification, in addition to the detection of several other object dimensions in relation with the visual scene. Color therefore serves an important role in animal and human interaction with the environment. By supplying ways to evaluate aspects of human vision...

‣ Espa?o de cores

SANTANA, Claudia Feitosa; OIWA, Nestor Norio; COSTA, Marcelo Fernandes da; TIEDEMANN, Klaus Bruno; SILVEIRA, Luiz Carlos de Lima; VENTURA, Dora Selma Fix
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
O artigo apresenta defini??es para os termos espa?o de cores e sistemas de cores; classifica, de acordo com David Brainard (2003), os sistemas de cores em dois grupos: apar?ncia de cores e diferen?as de cores. Dentre os diversos sistemas de cores existentes, o artigo descreve dois deles: o sistema de cores Munsell &? um dos mais utilizados entre os sistemas de apar?ncia de cores &? e a descri??o do sistema de cores CIE 1931 &? um dos mais utilizados dentre os sistemas de diferen?a de cores. Faz-se uma retrospectiva hist?rica da busca por espa?os de cores que representem a percep??o de cores humana assim como as diversas reconstru??es de espa?os de cores por m?todos eletrofisiol?gicos ou psicof?sicos. Muitas dessas reconstru??es utilizam a escala multidimensional (mds). O artigo tamb?m introduz a possibilidade da reconstru??o dos espa?os de cores de pacientes com discromatopsia adquirida como uma distor??o do espa?o de indiv?duos tricromatas normais.; ABSTRACT: The article presents definitions for the terms color space and color system. In agreement with David Brainard (2003), it classifies the color systems in two groups: color appearance and color difference. Amongst the existing color systems, the article also presents the description of the Munsell Color System...

‣ Color vision loss in patients treated with chloroquine

VENTURA, Dora Selma Fix; SILVEIRA, Luiz Carlos de Lima; NISHI, Mauro; COSTA, Marcelo Fernandes da; GUALTIERI, Mirella; ALEXANDRE, Ruth Mayanna Ara?jo dos Santos; PINTO, Carolina Trindade; MOURA, Ana Laura de Ara?jo; RODRIGUES, Anderson Raiol; SAKURADA, Cl
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Pacientes que fazem uso de cloroquina ou hidr?xi-cloroquina, drogas que s?o freq?entemente administradas para o tratamento de artrite reumat?ide, l?pus eritrematoso ou mal?ria, podem sofrer altera??es na vis?o de cores e na sensibilidade de contraste. O presente estudo avaliou a fun??o visual destes pacientes em um estudo conjunto da Universidade de S?o Paulo (USP), em S?o Paulo, e da Universidade Federal do Par? (UFPA), em Bel?m. Trinta e dois pacientes usu?rios de cloroquina sem altera??es no exame de fundo de olho foram avaliados em S?o Paulo (n=10, 38 a 71 anos, m?dia=55,8 anos) e em Bel?m (n=22, 20 a 67 anos, m?dia=40 anos). A dose acumulada de cloroquina prescrita foi de 45 a 430 g (m?dia=213 g; dp=152 g) para o grupo de S?o Paulo, e de 36 a 540 g (m?dia=174 g; dp=183 g) para o grupo de Bel?m. Os testes foram realizados monocularmente com o estado refracional corrigido. A discrimina??o de cor foi avaliada utilizando o Teste de Cor de Cambridge (CCT): o limiar de discrimina??o de cor foi mensurado primeiro nos eixos protano, deutano e tritano, e em seq??ncia, tr?s elipses de MacAdam foram determinadas. A vis?o de cores dos pacientes tamb?m foi avaliada com testes de arranjo de cores: o teste de 100 matizes de Farnsworth-Munsell (FM100)...

‣ Valor nutritivo de Cratylia argentea para suplementa??o de ruminantes na Amaz?nia

SANTOS, N?bia de F?tima Alves dos
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
O trabalho foi realizado na Embrapa Amaz?nia Oriental, em Bel?m, Par?, (1?28? S 48?27? W de Greenwich), com o objetivo de avaliar a influ?ncia da adi??o de Cratylia argentea, como alternativa para suplementa??o alimentar de ruminantes, em per?odos cr?ticos de produ??o de forragem na Amaz?nia Oriental. Foram determinadas as caracter?sticas nutricionais da dieta, durante um per?odo de 21 dias, com 16 ovinos, em gaiolas metab?licas individuais, distribu?das em delineamento inteiramente casualizado, em quatro tratamentos e quatro repeti??es. Os tratamentos continham quicuio-da-amaz?nia (Brachiaria humidicola) e n?veis crescentes de 25%, 50%, 75% e 100% de inclus?o de Cratylia argentea. Os consumos de mat?ria seca, em g/dia e percentagem do peso vivo, foram de 656,47 e 1,76; 743,50 e 1,96; 714,92 e 1,89; e 480,52 e 1,31 de mat?ria org?nica 619,64; 715,85; 665,36 e 535,85 g/dia, e de prote?na bruta 68,01; 108,29; 187,67 e 170,61 g/dia. O consumo de FDN, em g/dia, foi de 567,44; 536,70; 486,51 e 382,25 g/dia. Os coeficientes de digestibilidade da mat?ria seca foram de 37,87; 24,01; 21,93 e 34,36%, da mat?ria org?nica de 42,66; 31,54; 27,02 e 36,05% e de prote?na bruta de 56,04; 56,64; 68,66 e 71,44%, em 25%, 50%, 75% e 100% de inclus?o de Cratylia argentea...

‣ Valor nutritivo da leguminosa Flemingia macrophylla (Willd.) Merrill para suplementa??o alimentar de ruminantes na Amaz?nia Oriental

AVIZ, M?rcia Alessandra Brito de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
O conhecimento do valor nutritivo de plantas forrageiras ? de grande relev?ncia quando se pretende elevar a produtividade dos sistemas pecu?rios na Amaz?nia Oriental, principalmente em ?reas onde ocorre defici?ncia de forragem de boa qualidade, em per?odos de d?ficit h?drico. Assim, caracterizar a potencialidade da leguminosa Flemingia macrophylla (Willd.) Merrill, como alternativa para alimenta??o animal, assume relevante import?ncia, pois pode influenciar no desempenho produtivo de bov?deos para carne e leite. Dessa forma, esta pesquisa visou avaliar a composi??o qu?mica, digestibilidade aparente e consumo volunt?rio dessa leguminosa na alimenta??o suplementar de ruminantes, em per?odos de reduzida disponibilidade de forragem, de baixo valor nutritivo. O trabalho foi realizado na Embrapa Amaz?nia Oriental, em Bel?m-Par?, (1?28? S 48?27? W de Greenwich). Foram determinadas as caracter?sticas nutricionais da leguminosa, durante um per?odo de 21 dias, com 16 ovinos, em gaiolas metab?licas individuais, distribu?das em delineamento inteiramente casualizado, em quatro tratamentos e quatro repeti??es, onde os tratamentos (T1, T2, T3 e T4) continham quicuio-da-amaz?nia (Brachiaria humidicola) e n?veis crescentes de 100%, 75%, 50% e 25% de inclus?o de F. macrophylla. Os teores de tanino na composi??o da dieta foram 1...

‣ Formula??o e implementa??o de um pacote para interpretar mapas magn?ticos utilizando os polin?mios de Walsh

RAMOS, Alexandre Jos? Santos
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
O presente trabalho consiste na formula??o de uma metodologia para interpreta??o autom?tica de dados de campo magn?tico. Desta forma, a sua utiliza??o tornar? poss?vel a determina??o das fronteiras e magnetiza??o de cada corpo. Na base desta metodologia foram utilizadas as caracter?sticas de varia??es abruptas de magnetiza??o dos corpos. Estas varia??es laterais abruptas ser?o representadas por polin?mios descont?nuos conhecidos como polin?mios de Walsh. Neste trabalho, muitos conceitos novos foram desenvolvidos na aplica??o dos polin?mios de Walsh para resolver problemas de invers?o de dados aeromagn?ticos. Dentre os novos aspectos considerados, podemos citar. (i) - O desenvolvimento de um algoritmo ?timo para gerar um j?go dos polin?mios "quase-ortogonais" baseados na distribui??o de magnetiza??o de Walsh. (ii) - O uso da metodologia damped least squares para estabilizar a solu??o inversa. (iii) - Uma investiga??o dos problemas da n?o-invari?ncia, inerentes quando se usa os polin?mios de Walsh. (iv) - Uma investiga??o da escolha da ordem dos polin?mios, tomando-se em conta as limita??es de resolu??o e o comportamento dos autovalores. Utilizando estas caracter?sticas dos corpos magnetizados ? poss?vel formular o problema direto, ou seja...

‣ Equival?ncia monet?ria em crian?as surdas

MAGALH?ES, Priscila Giselli Silva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
No ensino de habilidades monet?rias os procedimentos de escolha com o modelo (MTS) e de escolha com o modelo com resposta constru?da (CRMTS) t?m se mostrado efetivos. Entretanto, h? uma controv?rsia sobre a import?ncia dos pr?-requisitos. O experimento 1 teve por objetivo verificar o efeito de um ensino de MTS e CRMTS sobre a equival?ncia monet?ria em crian?as surdas com diferentes repert?rios matem?ticos. Participaram 10 crian?as matriculadas em uma Unidade de Ensino Especializada distribu?das em dois grupos experimentais: Crian?as com maior repert?rio matem?tico (Grupo I) e crian?as com menor repert?rio matem?tico (Grupo II). As sess?es foram realizadas na referida institui??o. Um microcomputador foi usado com um software (REL 5.3.3 for Windows). Inicialmente, os participantes foram submetidos a pr?-testes e a um pr?-treino de identidade. Em seguida, ao ensino de rela??es condicionais via MTS entre valores monet?rios em LIBRAS e numerais decimais (AB), valor monet?rio em LIBRAS e figuras de moedas (AC) e a valor monet?rio em LIBRAS e figuras de notas (AD), seguidos dos testes de simetria e transitividade. Nos dois grupos, houve emerg?ncia de rela??es para a maioria dos participantes. Posteriormente, houve ensino via CRMTS de figuras de notas e numerais decimais (DB?)...

‣ Estrutura e din?mica de fam?lias com um filho com necessidades educacionais especiais

FREITAS, Hilda Rosa Moraes de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
No contexto brasileiro, a investiga??o acerca das necessidades educacionais especiais concentra-se no estudo das dificuldades e possibilidades de inclus?o desses alunos em classes regulares de ensino, enfatizando os processos de ensino e aprendizagem. Poucos estudos, no Brasil, admitem a fam?lia como objeto de an?lise, embora n?o se questione a sua import?ncia para o desenvolvimento infantil. Dessa forma, com base no modelo bioecol?gico e na teoria estrutural sist?mica, admitindo-se a fam?lia como um campo de desenvolvimento comum a todos os membros faz-se necess?rio conhecer o modo como ela se estrutura para atender as demandas decorrentes da necessidade especial de seu filho e os efeitos dessa din?mica nos demais membros. A partir disso objetivou-se descrever, a estrutura e a din?mica de fam?lias de crian?as com necessidades educacionais especiais, al?m de: analisar as intera??es e rela??es estabelecidas dentro de cada subsistema (conjugal, fraternal, parental) e entre eles, assim como identificar a organiza??o familiar, a partir dos mecanismos de coes?o e hierarquia de acordo com o modelo estrutural sist?mico. Como estrat?gia de pesquisa utilizou-se o estudo de casos m?ltiplos, com duas fam?lias de crian?as com necessidades educacionais especiais...

‣ Efeitos da exposi??o continuada a regras descritivas sobre o comportamento escolar de crian?as

CRAVEIRO, C?ntia Caroline Prado
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Hist?rias infantis t?m sido utilizadas como recurso l?dico-did?tico na instala??o de comportamentos. Nesta literatura, estes comportamentos geralmente est?o descritos na forma de regras de conduta, expl?citas (regras prescritivas) ou implicitamente (regras descritivas). O presente estudo avaliou o efeito da exposi??o continuada a hist?rias infantis, sobre a frequ?ncia e o tempo de engajamento em comportamentos relevantes ? aprendizagem escolar, de quatro crian?as entre sete e oito anos. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com as professoras objetivando coletar relatos sobre o desempenho de seus alunos em atividades escolares. Em seguida, o experimentador realizou registros cursivos dos comportamentos das crian?as em situa??o de sala de aula, com o objetivo de identificar a ocorr?ncia e a freq??ncia dos comportamentos relatados pela professora, para selecionar e categorizar os comportamentos alvos. Foram selecionados os comportamentos de C?pia, Responder e Visto, a partir de ent?o foram realizados registros de ocorr?ncias da emiss?o destes comportamentos, com o objetivo de ter uma linha de base da freq??ncia de emiss?o destes comportamentos. A Condi??o Experimental era composta de linha de base e seis fases, em cada fase eram lidas hist?rias diferentes. A Fase sempre era iniciada com a leitura de uma hist?ria...

‣ Medidas n?o convencionais de transfer?ncias de fun??o entre express?es faciais e figuras abstratas

BORTOLOTI, Renato
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Rela??es de equival?ncia podem ser definidas como rela??es arbitr?rias capazes de tornar diferentes est?mulos intercambi?veis em muitas situa??es. Isso implica que os elementos que comp?em uma classe de est?mulos equivalentes devem transferir fun??es entre si. Este trabalho compreende dois estudos que possuem em comum a forma??o de classes de equival?ncia entre express?es faciais e figuras abstratas e o uso de medidas n?o convencionais de transfer?ncia de fun??o. No Experimento 1, foram treinadas rela??es condicionais entre express?es faciais (A) e est?mulos abstratos (conjuntos B e C) e entre os est?mulos do conjunto C com os de outro conjunto (D). A equival?ncia foi testada pelas rela??es D-B. ?A? era composto por fotografias que expressavam alegria, raiva e nojo, enquanto B, C e D se compunham por tr?s figuras abstratas cada. Era ent?o pedido ao participante que avaliasse os est?mulos abstratos D1, D2 e D3 de acordo com um conjunto de escalas bipolares. Foi encontrada correspond?ncia entre as avalia??es das express?es faciais feitas pelo grupo controle e as avalia??es dos est?mulos D pelo grupo experimental. O uso de est?mulos significativos e de medidas de transfer?ncia que n?o envolviam escolhas for?adas possibilitaram uma valida??o independente do modelo de equival?ncia...