Página 12 dos resultados de 6816 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

‣ Gênero discursivo cinema, o filme musical: análise dialógica de Across the Universe

Serni, Nicole Mioni
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 155 f. : il. color.
Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pós-graduação em Linguística e Língua Portuguesa - FCLAR; Considering cinema as a fertile genre for the studies of dialogue between genres this research thinks about the musical film Across the Universe (2007), by Julie Taymor, in its architectonic (form, style and content). The cinema genre and the song genre are in constant dialogue in the musical film and specifically in the corpus chosen. The songs within the movie are all composed by the british band The Beatles. The dialogical relations and the genres recognized in this research are analyzed within the perspective of the studies of the Bakhtin Circle Bakhtin, and aim to analyze how the movie Across the Universe incorporates the songs by The Beatles and in which way the musical dialogues with the lyrics of each song and with each situation in which they are sung in the movie. Within the dialogical perspective of the Circle the analysis of the movie makes it possible to recognize the cinema as composed by other genres that are incorporated within its composition, such as in Across the Universe, in which song and dance are part of the composition of the musical film; Ao considerar o cinema musical como um gênero fértil para o estudo de diálogos entre gêneros...

‣ Imagens escritas, letras desenhadas : literatura e cinema em Ilka B. Laurito e João Antônio. -

Lencinas, Maria Paz
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 126 f.
Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
Pós-graduação em Letras - FCLAS; The present study intends to analyse the aesthetics connections between Cinema and Literature, mapped upon the narratives of Ilka B. Laurito and João Antônio. Having cuts from each author work as a start, the analytical propose consists in considering the cinema procedures as well as the characteristics of the cinema image as possible to be applied to the building of the literary text. From the study on the letters exchanged between both authors for over three decades it was possible to state the intense contact both had with the cinema aesthetics, also it is possible to understand the critical attitude from both of them, relating the arts since its creational process. Having that said, the study develops an analysis since the Literary critics intending to understand the cinema aesthetics as a component in the narrative formal fabric on Parque de Diversões, from Ilka B. Laurito and Sete vezes rua, from João Antônio; O estudo busca analisar relações estéticas entre Literatura e Cinema, mapeadas nas narrativas dos escritores Ilka. B. Laurito e João Antônio. Partindo do recorte de uma obra de cada autor, a proposta analítica consiste em considerar procedimentos da cinematografia e características da imagem cinematográfica como passíveis de serem aplicadas à construção do texto literário. Do estudo da coleção de cartas intercambiadas pelos dois escritores durante mais de três décadas...

‣ Marketing de cinema : a promoção de filmes na era digital

Haenz Gutierrez Quintana
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/07/2005 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
Para tornar competitivos os cinemas emergentes e garantir a rentabilidade dos investimentos dos seus produtores é imprescindível aumentar o número de espectadores nos seus mercados domésticos e abrir novos mercados no cenário internacional. Deste modo, o marketing de cinema se desenvolve com a finalidade de maximizar o público de um determinado filme e, conseqüentemente, gerar o maior lucro possível para seus realizadores fomentando, então, a concepção e produção de novos filmes. Esta permutação cíclica atende ao princípio de perenidade que todas as empresas do ramo audiovisual almejam. A publicidade e o design, entre outras ferramentas, auxiliam ao marketing de cinema na sua tarefa de efetivar esse princípio. Assim sendo, propomos indagar, neste projeto, o fundamento dinâmico dos Sites de cinema no ciberespaço, na dualidade que os define, isto é, como meio de expressão e como meio de comunicação interativa, levando em conta as relações intertextuais que mantêm com os filmes que anunciam. Em publicidade, o ato de anunciar está, ainda, fundamentado nos preceitos behavioristas. É atribuído ao anúncio, um suposto poder coercivo. Neste trabalho pretendemos evidenciar as deficiências de tal abordagem e sustentaremos a tese de que a significação e...

‣ O veludo selvagem de David Lynch : a estetica contemporanea do surrealismo no cinema ou o cinema neo-surrealista

Rogerio Ferraraz
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 05/10/1998 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
Esta dissertação tem como finalidade demonstrar que o cineasta norte-americano David Lynch renova as características do surrealismo em seus filmes, realizando uma espécie de cinema neo-surrealista, como denominamos aqui. Para comprovar essa hipótese, realizamos, numa primeira etapa o levantamento dos dados biográficos e bibliográficos de e sobre Lynch, bem como a pesquisa se sua obra incluindo-se aqui seus trabalhos para o cinema, para a televisão, além de suas fotografias e pinturas. Concomitante, desenvolvemos o estudo do Surrealismo e de filmes realizados nas décadas de 20 e de 30, época inaugural do movimento, e que, reconhecidamente, traduziram os preceitos da arte e da estética surrealista no cinema. Dentre os vários artistas e filmes pesquisados fixamos nossas observações no conjunto da obra de Luis Buñuel, desde 1928 até 1977, respectivamente os anos do primeiro e do último filme do cineasta espanhol. Numa segunda etapa, realizamos a análise de alguns filmes, especialmente Veludo azul, de David Lynch, e Um cão andaluz, de Luis Buñuel e Salvador Dali, buscando identificar quais características do cinema surrealista são apropriadas e atualizados por Lynch, tendo em mente que sue cinema estabelece novas significações e novos paradigmas em relação à estética surrealista; Not informed

‣ Yes nos temos bananas : cinema industrial paulista : a Companhia Cinematografica Vera Cruz, atrizes de cinema e Eliane Lage. Brasil, anos 1950; Yes nos temos bananas : São Paulo movie industry : Vera Cruz Motion Picture Company, movie stars and Eliane Lage. Brazil, 1950

Ana Carolina de M. D. Maciel
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/03/2008 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
Esta tese tem como objetivo investigar a trajetória da atriz Eliane Lage, integrante da história do cinema brasileiro dos anos 1950. A eleição e divulgação de um grupo de atrizes - integrando a busca pela implantação de um star system do cinema brasileiro - foram resultantes da tentativa de industrialização do cinema paulista, levada adiante por Franco Zampari e Francisco Matarazzo Sobrinho, por meio da fundação da Companhia Cinematográfica Vera Cruz no ano de 1949. Sendo assim ? visto que Eliane Lage foi lançada como atriz por essa Companhia ? situo inicialmente a proposta desses estúdios que pretenderam inaugurar no país uma produção em escala e com qualidade técnica, nos moldes do studio system de cinematografias hegemônicas. O Departamento de Publicidade da Vera Cruz desempenhava o papel de eleger e divulgar atrizes (e também atores) que estrelavam seus filmes. Dentre astros e estrelas desse período Eliane Lage é particularmente interessante, pois seguiu a tônica de negar a importância da carreira cinematográfica, conforme analisarei mais detidamente. Assim, uma análise do star system brasileiro se fez necessária. Confluindo três temas principais quais sejam: a Cinematográfica Vera Cruz, o star system brasileiro e atriz Eliane Lage...

‣ Como o cinema escreve a historia : Elia Kazan e a America

Sheila Schvarzman
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/03/1994 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
A tese que ora se abre trata da análise de obras cinematográficas como portadoras de visões de história: como estas são enunciadas e como atribuem sentido ao passado. Entretanto, cedo se notará, o foco de análise não se concentra apenas neste tema, mas também na própria constituição da relação historiográfica com o filme."Cinema e história" pode ser vista como uma metodologia de utilização de filmes para o estudo da história. Mas esta visão, no nosso entender, não dá conta da compreensão propriamente historiográfica que a "relação entre cinema e história" permite. Sendo assim, como não.. há, no nosso entender, uma subordinação entre um tema e a metodologia empregada, mas a tentativa de pensar inúmeras relações que envolvem o cinema e a história, não só nos indagamos sobre como Elia Kazan atribui sentido ao passado,mas por que historiadores se interessariam por isso, e como o estudo de filmes ilumina também o estudo do fazer historiográfico pensamento - do qual participei na França entre 1977 e 1981, como aluna dos seminários sobre "História e Cinema" de Marc Ferro e as críticas e mudanças que a própria história e o conhecimento histórico agregaram a esta discussão. Desta forma, optei por acrescentar...

‣ Tem um vridro sob minha pele : cultura e cinema: a construção de uma poética fílmica do corpo anoréxico; Glass under my skin : culture and cinema : the construction of a filmic poetics of the anorexic body

Moara Rossetto Passoni
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/02/2010 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
A dissertação recorta a anorexia como um problema a ser estudado a partir do lugar da experiência do corpo anoréxico em oposição ao espetáculo que os meios de comunicação usualmente constroem a partir dele. Ao mesmo tempo, toda esta especulação deriva do processo de produção de um documentário que busca converter esta experiência em película. Pensar como se dá a construção de um corpo anoréxico na contempo-raneidade é indissociável de pensar como este “homem contemporâneo” pensa e inscreve seu corpo em uma série de práticas. Então, que civilização é possível descobrir a partir desse corpo? Onde nele está gravada a sociedade que torna possível a anorexia e a faz proliferar (sem que consigamos responder ao enigma que ela representa)? Afinal, falamos da intimidade de um corpo, mas também de uma época, especialmente caracterizada pelo sofrimento associado ao gozo, pela restrição em meio à abundância, pelo flerte com a morte e o trágico. No entanto, há uma questão central para que investiguemos o corpo anoréxico pelo cinema: se na anorexia tudo está no corpo, o cinema é, para nós, também uma investigação do corpo. Dessa forma, o delineamento de uma leitura sobre o lugar em que a anorexia constrói seu sentido no interior da sociedade contemporânea é tomado como um conjunto de questões lançadas ao universo do documentário. E o cinema por nós considerado não é apenas um modo de apresentar uma investigação...

‣ O poder do local : sertões nordestinos no cinema brasileiro contemporâneo; The local power : northeastern countrysides in the brazilian cinema

Diogo Cavalcanti Velasco
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/08/2010 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O Sertão Nordestino sempre permeou o imaginário do homem brasileiro por meio dos discursos que a história produziu. Vários campos discursivos, como a política, a economia, as ciências sociais e as artes, sedimentaram um universo simbólico acerca desse espaço. Logo, o cinema também contribuiu nessa simbolização, principalmente nos ciclos do Nordestern e do Cinema Novo. Agora, nos anos 2000, ele volta a ter novas correntes de representação cinematográfica. Uma delas se encontra no grupo de produtores do Nordeste, que faz asserções sobre os seus Sertões e os ressignifica de acordo com um mundo contemporâneo globalizado, característico de sua época. A presente pesquisa busca, por meio da metodologia analítica de Pierre Sorlin, mostrar como isso acontece num grupo de quatro filmes: Cinema, Aspirinas e Urubus (Marcelo Gomes, 2005), Árido Movie (Lírio Ferreira, 2006), Céu de Suely (Karim Ainouz, 2006) e Deserto Feliz (Paulo Caldas, 2007); The Sertão Nordestino has always been in Brazilian people imagination through the history discourses that has been produced. Several fields of discourses, like politics, economy, social sciences and arts, created a symbolic universe about this space. Therefore, the Movies also contributed in this symbolization...

‣ Cinema de Intimidade : proposta de gênero para o novo cinema brasileiro

Távora, Lina Rocha Fernandes
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Comunicação, 2010.; O presente estudo busca atualizações do gênero cinematográfico “cinema de intimidade”, elaborado pelo poeta e pensador Nicholas Vachel Lindsay (1879-1931), em 1915, ao contexto cinematográfico nacional recente. Foram escolhidos para a análise cinco filmes do novo cinema brasileiro: Separações (2003), de Domingos Oliveira; Cão sem dono (2007), de Beto Brant e Renato Ciasca; Não por acaso (2007), de Philippe Barcinski; Nome próprio (2008), de Murilo Salles, e Apenas o fim (2009), de Matheus Souza. O novo cinema brasileiro surge a partir de 2002, após o desfecho do ciclo conhecido como Retomada do Cinema Nacional. O conceito de “intimidade” é trabalhado na pesquisa como um gênero que está inserido nas práticas cotidianas e põe em questão a vida íntima, a amizade, a sexualidade e as emoções humanas. Há, assim, uma leitura das relações interpessoais a partir da análise dos filmes, com um especial olhar à poética do amor contemporâneo e ao espaço de intimidade por excelência – a casa. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT; The current study aims to search for updates on the film genre “Intimate Photoplay”...

‣ Literacia para o cinema : projeto exploratório com crianças do 1º ciclo do ensino básico

Correia, Maria Laura Alves
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
Dissertação de mestrado em Comunicação, Cidadania e Educação; Atualmente os meios de comunicação audiovisuais estão presentes no quotidiano da maioria dos jovens e crianças. O cinema, em concreto, influencia atitudes, forma opiniões e contribui para a construção da identidade individual e coletiva. Os mais jovens contactam diariamente com diversas mensagens audiovisuais sendo, por isso, fundamental incentivar o desenvolvimento de competências que lhes permitam analisar e compreender esses meios e os conteúdos que transmitem. Considerando a importância de promover uma atitude crítica e reflexiva perante a linguagem e as mensagens fílmicas, desenvolveu-se, no âmbito desta dissertação, um estudo sobre literacia fílmica que teve como principal objetivo a criação do programa “Aprender a ver cinema”, destinado a crianças com idades entre os 6 e os 10 anos. O trabalho empírico tem por base a aplicação de um questionário às crianças participantes no estudo; a conceção e realização de um projeto de investigação participativa com o mesmo grupo de crianças; e a realização de entrevistas aos participantes no programa e a especialistas da área. A realização deste trabalho mostrou que a educação para o cinema é fundamental para incentivar o pensamento crítico...

‣ Cineducação: o cinema como recurso didáctico para o ensino

Moreira, Vitor Manuel Poças Martins
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
Este relatório reporta o trabalho realizado durante a Prática de Ensino Supervisionada (PES) para a obtenção do grau de mestre em Ensino de Artes Visuais no Ensino Básico e no Secundário – ciclo 2010/2012 da Universidade de Évora. Durante o primeiro semestre, corresponde a prática docente com a turma 9º F – PIEF - na Escola Integrada André de Resende em Évora, sob a orientação da Professora cooperante Maria João Machado, tendo desenvolvido com os alunos o projecto “Piefão, vamos viver com animação” – que consistiu na produção de um filme de animação de curta duração. O segundo semestre corresponde a prática docente com a turma 10º J – Desenho A, na Escola Secundária Gabriel Pereira em Évora, sob a orientação do Professor cooperante Carlos Guerra com o projecto “Aprender a desenhar com o cinema”. O relatório também contemplará o aprofundamento de um tema: “Cineducação: O cinema como recurso didáctico para o ensino” para o qual investiguei se o cinema pode ou não proporcionar um importante instrumento pedagógico na formação de alunos e cidadãos; ABSTRACT: This report includes all the work performed during the Supervised Teaching Practice (STP) to achieve the Master´s Degree in Teaching Visual Arts for Elementary and Secondary – 2010/2012 Edition at the University of Évora. During the first semester...

‣ Margarida Gil: "O produtor não põe um cêntimo no filme"

Dias, Vanessa Sousa
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O projecto “Principais tendências no cinema português contemporâneo” nasceu no Departamento de Cinema da ESTC, com o objectivo de desenvolver investigação especializada a partir de um núcleo formado por alunos da Licenciatura em Cinema e do Mestrado em Desenvolvimento de Projecto Cinematográfico, a que se juntaram professores-investigadores membros do CIAC e convidados. O que agora se divulga corresponde a dois anos e meio de trabalho desenvolvido pela equipa de investigação, entre Abril de 2009 e Novembro de 2011. Dada a forma que ele foi adquirindo, preferimos renomeá-lo, para efeitos de divulgação, “Novas & velhas tendências no cinema português contemporâneo”.; QUAIS SÃO, hoje, as principais características do desenvolvimento de projectos para cinema em Portugal? O que pensam realizadores cinematográficos, produtores, distribuidores e exibidores sobre o cinema português? Que conclusões tirar das suas opiniões, relatos de experiências e análises da situação contemporânea? Que novas tendências surgiram no cinema português, nos primeiros anos do séc. XXI?

‣ Joaquim Leitão: "Não há receitas para escrever ou para fazer um bom filme"

Dias, Vanessa Sousa
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O projecto “Principais tendências no cinema português contemporâneo” nasceu no Departamento de Cinema da ESTC, com o objectivo de desenvolver investigação especializada a partir de um núcleo formado por alunos da Licenciatura em Cinema e do Mestrado em Desenvolvimento de Projecto Cinematográfico, a que se juntaram professores-investigadores membros do CIAC e convidados. O que agora se divulga corresponde a dois anos e meio de trabalho desenvolvido pela equipa de investigação, entre Abril de 2009 e Novembro de 2011. Dada a forma que ele foi adquirindo, preferimos renomeá-lo, para efeitos de divulgação, “Novas & velhas tendências no cinema português contemporâneo”.; QUAIS SÃO, hoje, as principais características do desenvolvimento de projectos para cinema em Portugal? O que pensam realizadores cinematográficos, produtores, distribuidores e exibidores sobre o cinema português? Que conclusões tirar das suas opiniões, relatos de experiências e análises da situação contemporânea? Que novas tendências surgiram no cinema português, nos primeiros anos do séc. XXI?

‣ João Canijo: "O como é muito menos importante do que o porquê"

Pereira, Carlos; Dias, Vanessa Sousa
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O projecto “Principais tendências no cinema português contemporâneo” nasceu no Departamento de Cinema da ESTC, com o objectivo de desenvolver investigação especializada a partir de um núcleo formado por alunos da Licenciatura em Cinema e do Mestrado em Desenvolvimento de Projecto Cinematográfico, a que se juntaram professores-investigadores membros do CIAC e convidados. O que agora se divulga corresponde a dois anos e meio de trabalho desenvolvido pela equipa de investigação, entre Abril de 2009 e Novembro de 2011. Dada a forma que ele foi adquirindo, preferimos renomeá-lo, para efeitos de divulgação, “Novas & velhas tendências no cinema português contemporâneo”.; QUAIS SÃO, hoje, as principais características do desenvolvimento de projectos para cinema em Portugal? O que pensam realizadores cinematográficos, produtores, distribuidores e exibidores sobre o cinema português? Que conclusões tirar das suas opiniões, relatos de experiências e análises da situação contemporânea? Que novas tendências surgiram no cinema português, nos primeiros anos do séc. XXI?

‣ Jorge Silva Melo: "Filmar tem de ser tão simples como estar ali naturalmente"

Beleza, Joana
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O projecto “Principais tendências no cinema português contemporâneo” nasceu no Departamento de Cinema da ESTC, com o objectivo de desenvolver investigação especializada a partir de um núcleo formado por alunos da Licenciatura em Cinema e do Mestrado em Desenvolvimento de Projecto Cinematográfico, a que se juntaram professores-investigadores membros do CIAC e convidados. O que agora se divulga corresponde a dois anos e meio de trabalho desenvolvido pela equipa de investigação, entre Abril de 2009 e Novembro de 2011. Dada a forma que ele foi adquirindo, preferimos renomeá-lo, para efeitos de divulgação, “Novas & velhas tendências no cinema português contemporâneo”.; QUAIS SÃO, hoje, as principais características do desenvolvimento de projectos para cinema em Portugal? O que pensam realizadores cinematográficos, produtores, distribuidores e exibidores sobre o cinema português? Que conclusões tirar das suas opiniões, relatos de experiências e análises da situação contemporânea? Que novas tendências surgiram no cinema português, nos primeiros anos do séc. XXI?

‣ Saguenail: "Quem faz um filme de cinco em cinco anos precisa de três vidas para saber do ofício"

Mata, André Gil
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O projecto “Principais tendências no cinema português contemporâneo” nasceu no Departamento de Cinema da ESTC, com o objectivo de desenvolver investigação especializada a partir de um núcleo formado por alunos da Licenciatura em Cinema e do Mestrado em Desenvolvimento de Projecto Cinematográfico, a que se juntaram professores-investigadores membros do CIAC e convidados. O que agora se divulga corresponde a dois anos e meio de trabalho desenvolvido pela equipa de investigação, entre Abril de 2009 e Novembro de 2011. Dada a forma que ele foi adquirindo, preferimos renomeá-lo, para efeitos de divulgação, “Novas & velhas tendências no cinema português contemporâneo”.; QUAIS SÃO, hoje, as principais características do desenvolvimento de projectos para cinema em Portugal? O que pensam realizadores cinematográficos, produtores, distribuidores e exibidores sobre o cinema português? Que conclusões tirar das suas opiniões, relatos de experiências e análises da situação contemporânea? Que novas tendências surgiram no cinema português, nos primeiros anos do séc. XXI?

‣ Pierre-Marie Goulet: "Demoro muito tempo a perceber o que um filme tem dentro"

Câmara, António
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O projecto “Principais tendências no cinema português contemporâneo” nasceu no Departamento de Cinema da ESTC, com o objectivo de desenvolver investigação especializada a partir de um núcleo formado por alunos da Licenciatura em Cinema e do Mestrado em Desenvolvimento de Projecto Cinematográfico, a que se juntaram professores-investigadores membros do CIAC e convidados. O que agora se divulga corresponde a dois anos e meio de trabalho desenvolvido pela equipa de investigação, entre Abril de 2009 e Novembro de 2011. Dada a forma que ele foi adquirindo, preferimos renomeá-lo, para efeitos de divulgação, “Novas & velhas tendências no cinema português contemporâneo”.; QUAIS SÃO, hoje, as principais características do desenvolvimento de projectos para cinema em Portugal? O que pensam realizadores cinematográficos, produtores, distribuidores e exibidores sobre o cinema português? Que conclusões tirar das suas opiniões, relatos de experiências e análises da situação contemporânea? Que novas tendências surgiram no cinema português, nos primeiros anos do séc. XXI?

‣ Manuel Mozos: "Isto é menos cinzento do que parece"

Cipriano, Miguel
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O projecto “Principais tendências no cinema português contemporâneo” nasceu no Departamento de Cinema da ESTC, com o objectivo de desenvolver investigação especializada a partir de um núcleo formado por alunos da Licenciatura em Cinema e do Mestrado em Desenvolvimento de Projecto Cinematográfico, a que se juntaram professores-investigadores membros do CIAC e convidados. O que agora se divulga corresponde a dois anos e meio de trabalho desenvolvido pela equipa de investigação, entre Abril de 2009 e Novembro de 2011. Dada a forma que ele foi adquirindo, preferimos renomeá-lo, para efeitos de divulgação, “Novas & velhas tendências no cinema português contemporâneo”.; QUAIS SÃO, hoje, as principais características do desenvolvimento de projectos para cinema em Portugal? O que pensam realizadores cinematográficos, produtores, distribuidores e exibidores sobre o cinema português? Que conclusões tirar das suas opiniões, relatos de experiências e análises da situação contemporânea? Que novas tendências surgiram no cinema português, nos primeiros anos do séc. XXI?

‣ Teresa Villaverde: "Precisamos das costas aquecidas lá fora para enfrentarmos Portugal"

Alan, René; Moreira, Helder
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O projecto “Principais tendências no cinema português contemporâneo” nasceu no Departamento de Cinema da ESTC, com o objectivo de desenvolver investigação especializada a partir de um núcleo formado por alunos da Licenciatura em Cinema e do Mestrado em Desenvolvimento de Projecto Cinematográfico, a que se juntaram professores-investigadores membros do CIAC e convidados. O que agora se divulga corresponde a dois anos e meio de trabalho desenvolvido pela equipa de investigação, entre Abril de 2009 e Novembro de 2011. Dada a forma que ele foi adquirindo, preferimos renomeá-lo, para efeitos de divulgação, “Novas & velhas tendências no cinema português contemporâneo”.; QUAIS SÃO, hoje, as principais características do desenvolvimento de projectos para cinema em Portugal? O que pensam realizadores cinematográficos, produtores, distribuidores e exibidores sobre o cinema português? Que conclusões tirar das suas opiniões, relatos de experiências e análises da situação contemporânea? Que novas tendências surgiram no cinema português, nos primeiros anos do séc. XXI?

‣ Margarida Cardoso: "Em Portugal pagas à equipa e abdicas do que querias filmar"

Dias, Vanessa Sousa; Cipriano, Miguel
Fonte: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC Publicador: Escola Superior de Teatro e Cinema / CIAC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
362.54008%
O projecto “Principais tendências no cinema português contemporâneo” nasceu no Departamento de Cinema da ESTC, com o objectivo de desenvolver investigação especializada a partir de um núcleo formado por alunos da Licenciatura em Cinema e do Mestrado em Desenvolvimento de Projecto Cinematográfico, a que se juntaram professores-investigadores membros do CIAC e convidados. O que agora se divulga corresponde a dois anos e meio de trabalho desenvolvido pela equipa de investigação, entre Abril de 2009 e Novembro de 2011. Dada a forma que ele foi adquirindo, preferimos renomeá-lo, para efeitos de divulgação, “Novas & velhas tendências no cinema português contemporâneo”.; QUAIS SÃO, hoje, as principais características do desenvolvimento de projectos para cinema em Portugal? O que pensam realizadores cinematográficos, produtores, distribuidores e exibidores sobre o cinema português? Que conclusões tirar das suas opiniões, relatos de experiências e análises da situação contemporânea? Que novas tendências surgiram no cinema português, nos primeiros anos do séc. XXI?