Últimos itens adicionados do Acervo: Universidade Federal do Pará

Universidade Federal do Pará (UFPA) é uma universidade pública mantida pelo governo federal do Brasil. É considerada a maior, melhor e mais conceituada instituição federal da Região Norte do Brasil.

Página 6 dos resultados de 4789 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

‣ Morphological and compositional variations of zircon and their metallogenetic implications: the example of the Jamon, Serra dos Caraj?s and Velho Guilherme suites, Amazonian Craton

LAMAR?O, Claudio Nery; SILVA, Joseanna dos Santos; BORGES, R?gis Munhoz Kr?s; DALL'AGNOL, Roberto
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Zirc?es de granitos das Su?tes Jamon (SJ), Serra dos Caraj?s (SSC) e Velho Guilherme (SVG) foram estudados em MEV por meio de imagens de el?trons retroespalhados e catodoluminesc?ncia e an?lises pontuais por EDS. Granitos e greisens da SVG apresentam zirc?es dominantemente an?dricos, alterados e intensamente corro?dos, enriquecidos em Hf e com as mais baixas raz?es Zr/Hf, as quais nos granitos tendem a decrescer no sentido das f?cies mais evolu?das. Zirc?es da SJ s?o eu?dricos a sub?dricos, zonados e pouco alterados, comparativamente empobrecidos em Hf e com as mais elevadas raz?es Zr/Hf, indicando potencial reduzido para gera??o de mineraliza??o estan?fera. Zirc?es dos granitos da SSC s?o sub?dricos a an?dricos, alterados e corro?dos e com conte?dos de Hf e raz?es Zr/Hf intermedi?rias a dos zirc?es das SJ e SVG. Granitos da SVG com mineraliza??es de Sn, W e Ta apresentam zirc?es com raz?es Zr/Hf entre 7 e 22. Conclui-se que raz?es desta ordem podem ser utilizadas como guia prospectivo de granitos especializados. Por outro lado, zirc?es de greisens associados ao Granito Cigano da SSC apresentaram raz?o Zr/Hf m?dia em torno de 23, por?m nenhuma cassiterita foi encontrada nessas rochas. Isto indica que estes zirc?es preservaram sua assinatura magm?tica original. O estudo desenvolvido permitiu distinguir as tr?s su?tes gran?ticas em termos de composi??o de zirc?o...

‣ Basaltos almofadados da Su?te Ofiol?tica Morro do Agostinho: registros de fundo oce?nico na por??o centro-oeste do Cintur?o Araguaia

MIYAGAWA, Luciana de Jesus Penha Pamplona; GORAYEB, Paulo S?rgio de Sousa
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Ao longo do dom?nio de baixo grau metam?rfico (por??o centro-oeste) do Cintur?o Araguaia, afloram dezenas de corpos m?ficos e/ou ultram?ficos de natureza ofiol?tica. Cita-se como exemplo a Su?te Ofiol?tica Morro do Agostinho nos arredores da cidade de Araguacema (TO) que configura um pequeno corpo isolado que sustenta o Morro do Agostinho e encontra-se encaixado tectonicamente em metarenitos, ard?sias e filitos da Forma??o Couto Magalh?es (Grupo Tocantins). A Su?te Ofiol?tica Morro do Agostinho ? constitu?da por peridotitos serpentinizados, basaltos e cherts ferr?feros todos afetados por incipiente metamorfismo. A associa??o de basaltos ? caracterizada por um expressivo derrame submarino com estruturas em lavas almofadadas, sobrepostas aos peridotitos serpentinizados. Os basaltos foram classificados em tipos maci?os e hipov?treos com esferulitos. Os basaltos maci?os s?o homog?neos, com textura intersertal definida, essencialmente, por finas ripas de plagiocl?sio, clinopirox?nio e raramente olivina, calcocita e calcopirita. Os basaltos hipov?treos apresentam fei??es texturais formadas por ultrarresfriamento de lavas apresentando esferulitos de plagiocl?sio, feixes de cristais aciculares e esqueletais de clinopirox?nio e plagiocl?sio...

‣ Mapeamento de uma interface separando dois meios homog?neos atrav?s da reconstitui??o gravim?trica compacta: aplica??o a dados do LEPLAC-IV

GOMES, Luzilene Regina
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
O problema do mapeamento de uma interface separando dois meios homog?neos tem sido tradicionalmente resolvido atrav?s da continua??o para baixo da anomalia gravim?trica observada. Este procedimento requer a utiliza??o de um filtro passa-baixa ou de um par?metro de amortecimento, que tendem a diminuir a resolu??o do relevo estimado da interface. Al?m disso, o uso da continua??o para baixo implica supor (desnecessariamente) que a interface ? uma superf?cie harm?nica. Desta forma, a utiliza??o da continua??o para baixo ? restrita a interfaces que apresentam um relevo suave relativamente ? sua profundidade m?dia. As restri??es impostas pela continua??o para baixo do campo gravim?trico s?o reduzidas na t?cnica de invers?o proposta para este estudo, cujo objetivo ? mapear a interface crosta-manto baseada na incorpora??o de informa??es a priori sobre o m?nimo momento de in?rcia da fonte causadora, em rela??o a um eixo de concentra??o de massa pr?-estabelecido e coincidente com o topo da fonte an?mala. Al?m da introdu??o de informa??es sobre o m?nimo momento, foi inclu?da tamb?m a possibilidade de haver varia??o lateral e em profundidade de densidade em setores previamente estabelecidos, o que permite estender a aplica??o desta t?cnica a situa??es geol?gicas mais complexas que envolvam a reconstitui??o de corpos justapostos...

‣ Mapeamento de magnetiza??o aparente usando regulariza??o entr?pica

VASCONCELOS, Susan Sousa de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Apresentamos um novo m?todo de mapeamento de magnetiza??o aparente no plano horizontal que combina a minimiza??o da entropia de primeira ordem com a maximiza??o da entropia de ordem zero dos contrastes de magnetiza??o estimados. O modelo interpretativo ? uma malha de prismas verticais justapostos ao longo de ambas as dire??es horizontais. Presumimos que o topo e a base das fontes magn?ticas s?o planos e horizontais e estimamos os contrastes de magnetiza??o dos prismas. A minimiza??o da entropia de primeira ordem favorece solu??es de bordas abruptas e a maximiza??o da entropia de ordem zero evita a tend?ncia de a fonte estimada ser um ?nico prisma. Desta forma, uma combina??o judiciosa de ambos os v?nculos pode levar a solu??es caracterizadas por regi?es de contraste de magnetiza??o virtualmente constantes separadas por descontinuidades abruptas. Aplicamos este m?todo a dados sint?ticos produzidos por intrus?es simuladas em sedimentos e que apresentam topo e base planos e horizontais. Comparando nossos resultados com aqueles obtidos pelo v?nculo da suavidade, mostramos que ambos os m?todos produzem uma boa e equivalente localiza??o do centro das fontes. Todavia, a regulariza??o entr?pica delineia as bordas do corpo com maior detalhe. Ambos os v?nculos (suavidade e regulariza??o entr?pica) foram aplicados a uma anomalia real sobre um escarnito magn?tico em Butte Valley...

‣ Tramas de subjetiva??o: anal?tica da fabrica??o do PARFOR-Pedagogia-Campus de Bragan?a/UFPA

REIS J?NIOR, Leandro Passarinho
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
Português
O modelo de forma??o de professores brasileiro refere-se ? democratiza??o do pa?s e as mudan?as sociais alavancadas na d?cada de 1980, tendo como marco legal a Constitui??o de 1988 e as reformas educacionais e curriculares que a sucederam. Este trabalho constitui-se em uma an?lise arqueogeneal?gica foucaultiana das pr?ticas discursivas arquitetadas sobre o curso de Pedagogia do Plano Nacional de Forma??o de Professores da Educa??o B?sica (PARFOR) do Campus Universit?rio de Bragan?a ? Universidade Federal do Par? (UFPA). Partimos do estudo arqueol?gico das emerg?ncias hist?ricas da forma??o de professores para localizarmos e darmos visibilidade a arena da forma??o docente como conting?ncia contempor?nea advinda de for?as capilares que objetivam e, ao mesmo tempo, subjetivam o professor em forma??o. Sustentamo-nos na hip?tese de que habitam, nesse jogo de saber-poder, tramas de subjetiva??o corporificadas no curr?culo sob em pr?ticas de governamentaliza??o. Tais tramas, por sua vez, culminam na produ??o de documentos dentre os quais alguns foram escolhidos para compor a an?lise cr?tica desse trabalho. Desse modo, objetivamos problematizar a forma??o enquanto fabrica??o do aluno PARFOR-Pedagogia, com ?nfase no curr?culo elaborado pelo Campus de Bragan?a/UFPA visando perceb?-lo em sua articula??o com determinadas urg?ncias de forma??o e regula??o de professores. A pesquisa teve como fonte documentos que instalam a pol?tica de forma??o de professores no pa?s...

‣ A parceria p?blico-privada do Instituto Ayrton Senna e a Prefeitura Municipal de Benevides - PA: entre os desafios (pro)postos e os limites da realidade

POJO, Oneide Campos
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
Português
A tese intitulada ?A parceria p?blico-privada com o Instituto Ayrton Senna e a Prefeitura de Benevides/PA: entre os desafios (pro)postos e os limites da realidade?, cujo problema se refere ? rela??o existente entre as orienta??es emanadas pela parceria entre o Instituto Ayrton Senna (IAS) e a Prefeitura Municipal de Benevides (PMB), executadas por meio dos Programas Acelera Brasil e Se Liga, e o processo de interfer?ncia na pol?tica de educa??o municipal e, consequentemente, no ?fazer pedag?gico? dos professores. Como quest?o central, definiu-se: Quais as implica??es dos Programas Acelera Brasil e Se Liga (do IAS), no munic?pio de Benevides/PA no per?odo de 2010-2012, no contexto de redefini??o do papel do Estado, na gest?o educacional municipal e na melhoria da qualidade do ensino? O estudo objetivou analisar a implanta??o e desenvolvimento dessa parceria entre o IAS e a PMB, com vistas a compreender a din?mica vivenciada pelos diferentes sujeitos envolvidos no processo, as rela??es constru?das, suas formas de atua??o e significado da parceria para o Munic?pio. Com essa perspectiva analisa-se a crise estrutural do capital e a emerg?ncia do ?terceiro setor?, como aspecto central para compreender as reformas que se seguiram, sobretudo...

‣ Entre leis e baionetas: Independ?ncia e Cabanagem no M?dio Amazonas (1808-1840)

BARRIGA, Let?cia Pereira
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
O Gr?o-Par? na primeira metade do s?culo XIX vivenciou um per?odo de crise pol?tica e como??es sociais. Num espa?o de tempo de vinte anos a prov?ncia se viu emergida em dois processos revolucion?rios que agitaram suas vilas e provocaram mudan?as significativas, sobretudo em suas estruturas pol?ticas e representativas, a saber, a Independ?ncia e a Cabanagem. Ambos os processos se configuraram por uma variedade de discursos pol?ticos e projetos sociais espec?ficos, caracter?sticas estas que lhes imprimiram um car?ter plural, de m?ltiplos significados e a ideia de um movimento heterog?neo. Estas particularidades no cen?rio pol?tico do Gr?o-Par?, da Independ?ncia e da Cabanagem, nos levam a compreender estes processos pela perspectiva da multiplicidade de projetos e das a??es pol?ticas envolvidas na regi?o do m?dio Amazonas. Dentre estes projetos percebemos a relev?ncia da luta pela separa??o pol?tico-administrativa do Alto Amazonas da prov?ncia do Gr?o-Par? para a cria??o da prov?ncia do Rio Negro. Este projeto foi sustentado tanto pelos discursos da elite local, como pelos anseios das camadas populares. Para a elite local a quest?o de separar-se ou n?o do Gr?o-Par? era t?o importante quanto separar-se ou n?o de Portugal o era para a elite em Bel?m. Contudo...

‣ O m?todo GPR aplicado ? localiza??o de tubula??es utilizadas no abastecimento de ?gua na regi?o urbana do munic?pio de Bel?m - Par?

PINTO, Gerson Pompeu
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Este trabalho consistiu em avaliar a viabilidade do m?todo GPR (Ground Penetrating Radar) na localiza??o de tubula??es de a?o, cimento-amianto, PVC e ferro fundido, de diversos di?metros, utilizadas pela Companhia de Saneamento do Par? (COSANPA), no abastecimento de ?gua ? popula??o da regi?o urbana do munic?pio de Bel?m-Par?. Para o alcance deste objetivo foram realizados 14 perfis em 6 locais, distintos da ?rea urbana de Bel?m, com o intuito de identificar 13 alvos, utilizando-se antenas de 200 MHz e 400 MHz, geralmente usadas neste tipo de levantamento. Os radargramas obtidos com o GPR permitiram identificar quase todos os alvos pesquisados. Apenas 3 dos 13 alvos, n?o foram plenamente identificados, ficando de fora, apenas os alvos de PVC, de pequena bitola (50 mm e 75 mm). Ap?s o estudo conclu?mos que o m?todo GPR ? muito eficaz neste tipo de aplica??o e que sua utiliza??o tem grande valia na localiza??o das redes de abastecimento de ?gua. O que deve facilitar enormemente as obras de expans?o da rede, assim como a sua manuten??o.; ABSTRACT: This work was carried out to evaluate the feasibility of the method GPR (Ground Penetrating Radar) method to locate steel, cement-amianthus, PVC and cast iron pipes of several diameters, used by the Companhia de Saneamento do Par? (COSANPA) for water supply to the population of the urban area of Bel?m-Par?. To achieve this goal 14 profiles were performed at 6 distinct sites of Bel?m's urban area...

‣ Otimiza??o de sistemas h?bridos para a eletrifica??o de minirredes com fontes renov?veis: aspectos de projeto, opera??o e gest?o

BLASQUES, Luis Carlos Macedo
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Em sistemas h?bridos de gera??o de eletricidade (SHGEs) ? fundamental avaliar corretamente o dimensionamento, a opera??o e a gest?o do sistema, de forma a evitar seu colapso prematuro e garantir a continuidade do fornecimento de energia el?trica com a menor interven??o poss?vel de usu?rios ou de empresas geradoras e distribuidoras de eletricidade. O presente trabalho apresenta propostas de otimiza??o para as etapas de dimensionamento, opera??o e gest?o de SHGEs atendendo minirredes de distribui??o de eletricidade. ? proposta uma estrat?gia de opera??o que visa otimizar o despacho de energia do sistema, identificando a melhor rela??o, sob aspectos t?cnicos e econ?micos, entre o atendimento da carga exclusivamente via fontes renov?veis e banco de baterias ou exclusivamente via grupo gerador, e o carregamento do banco de baterias somente pelas fontes renov?veis ou tamb?m pelo grupo gerador. Desenvolve-se, tamb?m, um algoritmo de dimensionamento de SHGEs, com aux?lio de algoritmos gen?ticos e simulated annealing, t?cnicas meta-heur?sticas de otimiza??o, visando apresentar a melhor configura??o do sistema, em termos de equipamentos que resultem na melhor viabilidade t?cnica e econ?mica para uma dada condi??o de entrada definida pelo usu?rio. Por fim...

‣ Capacita??o de Agentes Comunit?rios de Sa?de para a preven??o e controle do c?ncer

BRITO, Leidiane Mendes
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
O presente estudo tem como tema de discuss?o, o trabalho do Agente Comunit?rio de Sa?de (ACS) como essencial para a??es de preven??o e controle do c?ncer, em conjunto com a equipe da Estrat?gia Sa?de da Fam?lia. Direcionou-se o olhar, atrav?s dos olhos do ACS, para os riscos e atitudes facilitadoras para o desenvolvimento do c?ncer, bem como para sinais de alarme. A quest?o que norteou a pesquisa foi: os Agentes Comunit?rios de Sa?de, ap?s receberem devida capacita??o, alcan?am habilidades suficientes para atuarem no controle do c?ncer, atrav?s de a??es da identifica??o de riscos e educa??o em sa?de? O objetivo principal consistiu em elaborar um modelo de interven??o que contribua para o controle do c?ncer na Aten??o B?sica, tendo o ACS como principal mediador. Trata-se de uma pesquisa de interven??o, transversal, de abordagem qualitativa, tendo como objeto de estudo, o trabalho do ACS como um instrumento da ESF para o controle do c?ncer. Foram selecionados cinco ACS?s como participantes principais e oito fam?lias como participantes secund?rios. Para a produ??o dos dados usou-se da pesquisa de campo, que transcorreu entre os meses de janeiro a abril de 2014, e contou com o m?todo observacional. Esta produ??o foi dividida em dois momentos: estudo de efic?cia e estudo de efici?ncia. A an?lise dos dados foi organizada em duas matrizes interpretativas: considera??es acerca das atividades desenvolvidas e o corol?rio das a??es desenvolvidas...

‣ Estudo explorat?rio de altera??es na linguagem em pacientes com Alzheimer em indiv?duos com baixa escolaridade

LIEBENTRITT, Edilene Maia
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
Português
O presente trabalho descreve caracter?sticas da linguagem, em especial de alguns dos aspectos discursivos, de idosos com envelhecimento saud?vel, com decl?nio cognitivo senil, ou com doen?a de Alzheimer leve e moderada. Foram avaliados um total de 44 idosos sendo 22 saud?veis, 4 com decl?nio cognitivo senil, 9 com doen?a de Alzheimer leve e 9 com doen?a de Alzheimer moderada, classificados pelos crit?rios do CDR. Foram aplicados os testes neuropsicol?gicos do mini exame do estado mental, nomea??o de Boston resumido, flu?ncia verbal e narrativa por confronto visual (figura do roubo dos bolinhos). Foram estimados os desempenhos nos testes selecionados e aplicada a avalia??o dos relatos pelos crit?rios propostos por Groves-Wright (2004) assim como foi feita a tipifica??o da narrativa. Tratamento estat?stico param?trico determinou os valores de m?dia, erro-padr?o e o n?vel de signific?ncia das diferen?as entre as m?dias foi fixado para valores de p<0.05. Em seguida foi realizado invent?rio e an?lise do l?xico e das categorias gramaticas das narrativas, e realizada an?lise param?trica a partir dos escores Z, atrav?s do programa STABLEX. Encontrou-se que a flu?ncia verbal sem?ntica ? melhor nos idosos saud?veis quando comparados aos com decl?nio cognitivo leve. As narrativas mostraram diferen?as estatisticamente significantes entre os idosos saud?veis e os com decl?nio cognitivo leve nas an?lises de frequ?ncia de uso do vocabul?rio e das categorias gramaticais como um todo...

‣ Autonomia funcional de idosas praticantes de Pilates

RODRIGUES, Brena Guedes de Siqueira; CADER, Samaria Ali; TORRES, Nat?li Valim Oliver Bento; OLIVEIRA, Edil?a Monteiro de; DANTAS, Est?lio Henrique Martin
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
O objetivo foi avaliar o efeito do m?todo Pilates na autonomia funcional de idosas. Foram selecionadas 52 volunt?rias, submetidas ? avalia??o geral e ao protocolo de avalia??o da autonomia funcional do Grupo Latino-Americano de Desenvolvimento para Maturidade (GDLAM), que consiste em cinco testes (caminhada de 10 m, levantar-se da posi??o sentada, levantar-se da cadeira e locomover-se pela casa, levantar-se da posi??o de dec?bito ventral e vestir e tirar uma camiseta); em seguida, foram divididas em dois grupos: grupo Pilates (GP, n=27; idade 66,9?5,3 anos) e grupo controle (GC, n=25; idade 65,2?3,9 anos). O GP foi submetido a uma s?rie de dez exerc?cios de Pilates, por oito semanas, duas vezes por semana. Os dois grupos foram reavaliados ap?s esse per?odo. O n?vel de signific?ncia considerado foi de p?0,05. O GP obteve resultados significativamente melhores em todos os testes e no ?ndice geral do GDLAM (p=0,035) ap?s a interven??o. O GC obteve escore significativamente melhor (p=0,042) apenas no teste de caminhada de 10 m, tendo mantido sua classifica??o inicial de funcionalidade regular. Comparando-se os escores dos grupos ap?s a interven??o, encontraram-se diferen?as significativas em favor do GP, inclusive no ?ndice GDLAM (p<0...

‣ A universalidade po?tica de Rilke na forma??o do Grupo dos Novos: tradu??o e conflu?ncias na Amaz?nia brasileira

VANSILER, Jo?o Jairo
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Esta disserta??o objetiva pensar os desdobramentos que as tradu??es da poesia de Rainer Maria Rilke alcan?aram no cen?rio do Suplemento Liter?rio da Folha do Norte - SL/FN e em outros peri?dicos das d?cadas de 1940 e 1950, em que foram publicadas. Consideramos que estas tradu??es foram um ind?cio de intensifica??o da abertura universalizante das letras paraenses ?s novidades modernistas iniciadas na Semana de Arte Moderna de 1922. Tais tradu??es foram cruciais para a forma??o do Grupo dos Novos, composto principalmente de nomes como Benedito Nunes, M?rio Faustino e Paulo Plinio Abreu, al?m do antrop?logo alem?o Peter Paul Hilbert. O suporte te?rico-metodol?gico ser? a utiliza??o dos conceitos de Weltliteratur (Literatura universal) de Goethe e Reflexionsmedium (M?dium-de-reflex?o) de Benjamin. Estas matrizes interligar?o os campos da hist?ria, da filosofia da linguagem e da tradu??o para refletirmos sobre o impacto dessas tradu??es na Amaz?nia brasileira da ?poca. Outro conceito importante nesta disserta??o ? o de Bildung (forma??o), pensado a partir da leitura de Antoine Berman quando ele o relaciona ? tradu??o, incluindo v?rios fen?menos que envolvem as rela??es tradut?rias entre culturas e l?nguas. Ao final, por meio da reflex?o tradutol?gica de Haroldo de Campos...

‣ A produ??o escrita em turmas heterog?neas de Portugu?s L?ngua Estrangeira: das tarefas ao exame CELPE-BRAS

SALES, Hellen Margareth Pompeu de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Ensinar a produzir textos escritos em Portugu?s L?ngua Estrangeira (PLE) com turmas heterog?neas do ponto de vista lingu?stico-cultural ? uma tarefa complexa que requer do professor (e do aprendente) um desempenho direcionado para a a??o. Partindo desse fato, prop?e-se aos alunos do Programa de Estudantes-Conv?nio de Gradua??o (PEC-G) do MEC um trabalho com orienta??es metodol?gicas baseadas em uma Perspectiva Acional que considera o estudante como ator social que cumpre tarefas em situa??es espec?ficas, o que tamb?m nos direciona para uma concep??o de l?ngua-linguagem focada no interacionismo e para os g?neros textuais. O objetivo ? analisar o desenvolvimento das habilidades de produ??o escrita dos alunos, em Portugu?s, e o impacto da heterogeneidade lingu?stico-cultural da turma nesse ensino. O corpus do trabalho foi composto por produ??es textuais de g?neros da modalidade escrita da l?ngua portuguesa como carta, artigo de opini?o, e-mail etc., escritos pelos alunos do PEC-G. A hip?tese aqui levantada ? a de que o ensino-aprendizagem da produ??o escrita a p?blicos heterog?neos do ponto de vista lingu?stico-cultural ? otimizado quando, nas pr?ticas de sala de aula, se leva em conta ? concretamente ? o impacto dessa heterogeneidade e se insere os aprendentes em contextos significativos...

‣ M?todos s?smicos de refra??o e eletromagn?tico aplicados ao estudo de um paleocanal da Ilha do Maraj?, Par?

GUIMAR?ES, Pedro Penido Duarte
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Os m?todos s?smico de refra??o e eletromagn?tico foram aplicados, em car?ter experimental, ? prospec??o de ?gua subterr?nea. A efici?ncia destes m?todos foi testada com cerca de 1.500m de perfis de refra??o rasa na delimita??o geom?trica em tr?s dimens?es de um paleocanal na regi?o dos campos naturais da Ilha de Maraj? e com um perfil eletromagn?tico (t?cnica Slingram) para a detec??o de contatos laterais de ?gua doce-?gua salobra. A interpreta??o dos dados s?smicos foi realizada com as equa??es de tempo de intersec??o para n camadas inclinadas com o aux?lio do controle geol?gico de 2 (dois) po?os para contornar problemas de camadas n?o detectadas. Obteve-se uma baixa velocidade (0,81 km/s) para os sedimentos silte-arenosos saturados que preenchem o paleocanal. Em virtude da invers?o de velocidades ter sido obtida como resultado para estes sedimentos, n?o se aconselha o mapeamento de paleocanais pela s?smica de refra??o, salvo com a utiliza??o de t?cnicas especiais de campo (registro digital, 'up-hole survey', registro ondas S, reflex?o simult?nea, ...). Os dados eletromagn?ticos foram analisados semi-quantitativamente com o aux?lio de um modelo reduzido constru?do a partir de uma se??o de resistividades aparentes. Um diagrama de Argand...

‣ Mangrove vegetation in Amazonia: a review of studies from the coast of Par? and Maranh?o States, north Brazil

MENEZES, Moirah Paula Machado de; BERGER, Uta; MEHLIG, Ulf
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
O presente estudo apresenta uma compila??o da literatura sobre a vegeta??o dos manguezais da costa norte do Brasil, apresentando uma s?ntese do conhecimento e listando a literatura dispon?vel. O estudo se concentra na costa dos estados do Par? e Maranh?o que formam um cintur?o cont?nuo de manguezais. Foram contabilizadas seis esp?cies arb?reas exclusivas de mangue e v?rias outras associadas. A altura e o di?metro das ?rvores de mangue variam em fun??o de par?metros abi?ticos locais. As varia??es sazonais do regime de chuvas e da salinidade afetam a fenologia das esp?cies e a produ??o de serapilheira. A popula??o costeira utiliza a flora do manguezal para diferentes fins (ex: combust?vel, medicinal, constru??o rural). O aumento da ocupa??o costeira inicia um processo de impacto para as florestas de mangue e a disponibilidade de seus recursos.; ABSTRACT: The present study is a compilation of the literature about vegetation of mangrove forest of the north coast of Brazil. It synthesizes the knowledge about this important ecosystem and lists the currently available literature. The study focuses on the coast of Par? and Maranh?o states, which are covered by a continuous belt of mangroves. The mangrove flora comprises six mangrove tree species and several associated species. Mangrove tree height and stem diameter vary as a function of abiotic local stand parameters. Seasonal variation in rainfall and salinity affect the species' phenology and litter fall. Local population use products derived from mangrove plants for different purposes (e.g. fuel; medicinal; rural construction). The increase in the coastal population has given rise to conflicts...

‣ Plantas nativas ?teis na Vila dos Pescadores da Reserva Extrativista Marinha Caet?-Tapera?u, Par?, Brasil

CARNEIRO, Diogo Borges; BARBOZA, Myrian S? Leit?o; MENEZES, Moirah Paula Machado de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
O presente estudo identifica as esp?cies vegetais nativas utilizadas pelos moradores da Vila dos Pescadores localizada na RESEX Marinha Caet?-Tapera?u, em Bragan?a, Par?. Atrav?s de entrevistas baseadas em protocolos semi-estruturados realizadas com 30 moradores, foi tra?ado o perfil s?cio-econ?mico dos entrevistados, identificadas as esp?cies vegetais ?teis e seus respectivos usos. No total foram citadas 23 esp?cies, sendo que 20 esp?cies s?o oriundas dos ecossistemas manguezal ou restinga e as outras 3 esp?cies s?o consideradas nativas pelos moradores, apesar de serem esp?cies n?o t?picas da regi?o. As esp?cies de restinga s?o utilizadas principalmente como alimento, enquanto as esp?cies do manguezal apresentam um amplo espectro de utilidades, com destaque nas categorias "constru??o" e "tecnologia". O of?cio de pescador ficou evidente nos usos dos recursos vegetais, principalmente das esp?cies de manguezal. O valor do ?ndice de diversidade de Shannon foi alto (H'=2,3) por causa da grande cita??o de usos das esp?cies de mangue. Os resultados indicam que devido ? grande utilidade das esp?cies vegetais nativas, a gest?o e pol?ticas de uso e preserva??o das RESEX Marinhas devem dar mais aten??o ? explora??o dos recursos vegetais, principalmente de manguezal.; ABSTRACT: This study identifies the native plant species used by the inhabitants of Vila dos Pescadores...

‣ Tide distortion and attenuation in an Amazonian tidal river

FREITAS, Paulo Tadeu Amorim; SILVEIRA, Odete F?tima Machado da; ASP NETO, Nils Edvin
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
O presente estudo teve como objetivo investigar a propaga??o da mar? no sistema fluvial Guam?-Capim, na regi?o amaz?nica, considerando aspectos hidrol?gicos e geomorfol?gicos. Os m?todos empregados incluem dados hist?ricos de vaz?es fluviais e n?veis d'?gua, al?m de medi??es pr?prias de mar? em diferentes locais e per?odos ao longo do sistema. Os principais pontos defendidos no presente trabalho incluem a vaz?o fluvial como principal fator para a distor??o da mar? e consequente forma??o de pororoca no sistema, assim como o baixo relevo da ?rea seria respons?vel por incremento na incurs?o da mar? para o continente. Os resultados revelam uma penetra??o da mar? de mais de 200 km, ocorrendo tamb?m uma forte deforma??o da mar?, se intensificando gradualmente a montante, resultando em uma vazante at? 5 horas mais longa que a enchente 161 km a montante, apresentando tamb?m velocidades de enchente levemente superiores, incluindo o decaimento cont?nuo da altura da mar?, intensificado a partir desse ponto. Sazonalmente, a vaz?o fluvial aumenta 10 vezes no rio Guam? e 4 vezes no rio Capim. Durante per?odos de alta descarga, combinados com mar?s equinociais (e.g. mar?o-abril), o fen?meno da pororoca ocorre no sistema, em associa??o ao baixo relevo da ?rea. Desta forma as principais conclus?es s?o de que a forte deforma??o da mar? relacionada a altas descargas fluviais e o baixo relevo da ?rea s?o os fatores preponderantes na propaga??o da mar? no sistema e forma??o de pororoca. Mais al?m...

‣ Avalia??o da aprendizagem em l?ngua inglesa no primeiro ano do ensino fundamental em escolas p?blicas do munic?pio de Castanhal (PA)

BARBOSA, Em?lia Gomes
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
O presente estudo investiga as pr?ticas avaliativas em ingl?s como L?ngua Estrangeira para Crian?as (LEC) no primeiro ano do ensino fundamental das escolas p?blicas no munic?pio de Castanhal, PA. A pesquisa teve como objetivo analisar quais as orienta??es contidas nos documentos oficiais municipais no que diz respeito ao ensino e ? avalia??o em LEC, descrever as pr?ticas avaliativas desenvolvidas pelos docentes nesse contexto, analisar a integra??o dessas pr?ticas com os objetivos de ensino e aprendizagem de LEC e indicar pistas que possam, te?rica e metodologicamente, tornar essas pr?ticas mais eficazes. Para alcan?ar os objetivos propostos, foi realizada uma pesquisa qualitativa de car?ter documental, na qual foram analisados os documentos oficiais que norteiam o ensino e a avalia??o em LEC no munic?pio, 220 relat?rios de desenvolvimento, que s?o o instrumento de avalia??o preconizado para esse n?vel da escolaridade, al?m de entrevistas e question?rios com 14 docentes que atuam nesse contexto. O referencial te?rico sustenta-se nas contribui??es de Cameron (2001), Strecht-Ribeiro (2005) e Scott e Ytreberg (1990) sobre o ensino-aprendizagem de LEC, bem como na discuss?o de alguns aspectos da avalia??o da aprendizagem (HADJI, 1994; 2007; BONNIOL e VIAL...

‣ Efeito antineopl?sico do composto 4,2?,3?,4?-tetrametoxi chalcona em linhagem de neuroblastoma B103 de rato

COSTA, Jos? Elierson Barros
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Neuroblastoma ? a neoplasia mais frequentemente diagnosticada na inf?ncia. O termo ? comumente usado para se referir a uma ampla variedade de tumores neurobl?sticos, incluindo os neuroblastomas, ganglioneuroblastomas e ganglioneuromas. Estimativas mostram que 8 milh?es de crian?as at? 15 anos de idade por ano s?o atingidas por esta neoplasia, onde 80% dos casos s?o acometidos em at? 4 anos de idade, o tumor ? derivado de c?lulas malignas embrion?rias advindas de c?lulas neuronais primordiais, desde g?nglios simp?ticos at? medula adrenal e outros pontos. Neste estudo, foi avaliado o potencial citot?xico do composto 4,2?,3?,4? tetrametoxi chalcona em modelo in vitro de neuroblastoma B103 de rato. Foram preparadas solu??es estoques da droga a 50mM em dimetilsulf?xido (DMSO) e armazenadas a -20?C para o preparo de novas concentra??es (150?M, 100 ?M, 75 ?M e 50 ?M). A viabilidade celular foi testada a partir de cultura de c?lulas da glia do c?rtex de rato e de neuroblastoma b103. Ensaios de migra??o celular e forma??o de col?nias tamb?m foram realizados. Para a an?lise estat?stica foi realizado a an?lise de vari?ncia um crit?rio (ANOVA) seguido pelo teste de Tukey, utilizando-se o programa BioEstat 5.0. Na avalia??o do efeito citot?xico das chalconas...